Pela primeira vez, a seleção de Itabela chega a uma final do Campeonato Intermunicipal de Futebol, depois de vencer na disputa alternada de pênaltis a seleção de Camamu, em jogo realizado na tarde de domingo (11) no Estádio Manzolão, em Itabela. Apenas em 1994 Itabela havia chegado a uma semifinal, sendo desclassificada por Alagoinhas.

No tempo normal, o jogo terminou com o placar favorável a Camamu por 3 a 2, igualando o placar agregado em 4 a 4, já que Itabela havia vencido o primeiro jogo por 2 a 1 lá em Camamu. No primeiro tempo, Camamu chegou a fazer 2 a 0 com gols de Tiago aos 13 minutos, de pênalti, e Dedeu aos 18 minutos. Mas a seleção itabelense reagiu e empatou o jogo imediatamente, com gols de Kaká aos 19 e Gil aos 25 minutos, terminando assim a primeira etapa do jogo.

Mas logo aos 6 minutos do segundo tempo, Camamu voltou a marcar com Bolinha aos 6 minutos, fechando o placar nos noventa minutos normais.

Na primeira rodada das cinco cobranças de pênaltis, Itabela marcou com Lei e Miler, e perdeu com Elvis, Gil e Kaká, enquanto Camamu marcou com Balada e Damião, e perdeu três cobranças com Dedeu, Bolinha e Igão.
Nas disputas alternadas, Itabela perdeu com Nego Liso, Camamu perdeu com Farinha, e o placar foi definido com a cobrança certeira do experiente Nino, enquanto Camamu voltou a desperdiçar com Washington.



Escalação - Itabela jogou com Eric, Nino, Carlinhos, Gil, Fabio, Bagaceira (Nego Liso), Lu, Miler, Lei, Kaká e Elvis.

Arbitragem - Moisés Ferreira Simão (Maracás) do Quadro Nacional foi o árbitro central, auxiliado por Wilde Vieira dos Santos (Pau Brasil), Péricles Alves Brito (Ubatã), César Santos Nascimento (Buerarema) e Odair José Pereira Silva (Itabela), todos do quadro da FBF.

Jogos finais – O primeiro jogo da final do Intermunicipal será dia 18 de dezembro contra a seleção de Itaberaba na casa do adversário, que venceu Santa Luz por 2 a 0, e a partida final acontecerá no Estádio Manzolão, em Itabela, somente no dia 08 de janeiro de 2017, em virtude da alteração do calendário, face ao luto oficial depois do acidente aéreo com a delegação da Chapecoense.

Fonte: Clic101